Por que o sono de qualidade é essencial para o sucesso?

By | 3 de outubro de 2017

Além de ser fundamental para manter o bem-estar do organismo e garantir o bom desempenho da função cardíaca, o sono ajuda o cérebro a se organizar. Esse entendimento é reforçado por um recente estudo publicado na revista “Nature Communications”. Durante o período de descanso, o cérebro se reorganiza e se adapta às novas experiências, o que tem impacto direto sobre a memória e aprendizagem do dia.



Esta é a primeira vez que uma pesquisa explica como estruturas ligadas à consolidação de memórias e adaptações trabalham durante o sono e o que mais acontece no cérebro enquanto dormimos, um processo que permite o armazenamento de informações recém-adquiridas.

O trabalho identificou que, quando estamos em descanso, a atividade nos dendritos — uma região específica dos neurônios — se intensifica. Essa estrutura é fundamental para a plasticidade do cérebro, ou seja, a capacidade do sistema nervoso de se reorganizar e atender às novas demandas. De acordo com a pesquisa, esse aumento no desempenho dos dendritos, está ligado à ocorrência dos chamados “fusos”, ondas cerebrais que são emitidas quando dormimos e que influenciam na formação de memórias.

Sabe-se por estudos de outros pesquisadores, que durante o sono REM (Rapid Eyes Movement), fase do sono em que ocorrem os sonhos, com duração genérica entre 1 e 2 horas, é quando nosso corpo realiza a limpeza da memória de curto prazo para armazená-la em longo prazo, além de toda a limpeza linfática, consumindo considerável nível de energia.

Por esse motivo, na cultura popular, recomenda-se dormir pelo menos 8 horas diárias, a fim de que a memória de curto prazo possa ser reciclada, e também para que as toxinas ingeridas durante o dia possam ser encaminhadas para eliminação.

Fonte: medicalxpress.com